Offcanvas Section

You can publish whatever you want in the Offcanvas Section. It can be any module or particle.

By default, the available module positions are offcanvas-a and offcanvas-b but you can add as many module positions as you want from the Layout Manager.

You can also add the hidden-phone module class suffix to your modules so they do not appear in the Offcanvas Section when the site is loaded on a mobile device.

0044 889 555 432
office@delight.com
64184 Vincent Place

encontro de jovens

Foi aprovado na Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) e na Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços (CDEICS)) da Câmara Deputados, os Requerimentos nº 83 e 36/ 2021, de autoria de deputada Joenia Wapichana (REDE-RR), para realização de audiência pública com o objetivo de tratar sobre os avanços e desafios desde a demarcação da Terra Indígena Raposa Serra do Sol.

Para a audiência foram convidadas as lideranças indígenas da Raposa Serra do Sol e representantes do Conselho Indígena de Roraima (CIR), Edinho Batista, coordenador geral do CIR, Amarildo da Silva Mora (Macuxi), coordenador do Centro Willimon, Carla Jarraira (Macuxi), coordenadora local de Jovens, ambos da Terra Indígena Raposa Serra do Sol e Ivo Cípio, assessor Jurídico.

Ao defender o requerimento, a deputada Joenia reforçou que a audiência debaterá uma questão especifica dos povos indígenas da Raposa Serra do Sol, como a produtividade, sustentabilidade e os desafios pós-demarcação, há mais de 10 anos. Segundo a deputada, seria um espaço oportuno nas duas comissões para que as lideranças indígenas apresentem os avanços e os desafios.

Depois de um logo processo de demarcação, a Terra Indígena Raposa Serra do Sol foi homologada 15 em abril de 2005 e reafirmada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), em 2009. A Terra Indígena possui 1.747.464 hectares, onde vivem cerca de 25 mil indígenas, conforme dados do Distrito Sanitário Especial Indígena do Leste de Roraima (DSEI/Leste), de cinco povos, Macuxi, Wapichana, Taurepang, Patamona e Ingaricó.

Foto: CIR